Voltar

A RAZÃO DÁ AS CARTAS DA FÉ

 

 

 José Reis Chaves

escritorchaves@ig.com.br

 

      Embora os teólogos não deixem o assunto vir à tona, o problema crucial
do cristianismo, hoje, são alguns de seus dogmas criados por teólogos do
passado que nem conheciam bem a Bíblia, mas se julgavam infalíveis, quando
nem Jesus tem todo o conhecimento, atributo esse apenas de Deus Pai (Mateus
24,36). Esses dogmas eram de crença obrigatória. E foram mantidos não pela
razão, mas pela força, em que pese são Tomás de Aquino ter dito que a fé não
pode violentar a razão.

         Os teólogos instituíram a Santíssima Trindade, a partir dos
Concílios Ecumênicos de |Nicéia (325) e Constantinopla (381). Para isso,
primeiro transformaram Jesus em outro Deus, e depois criaram o Espírito
Santo, doutrinas essas pagãs, politeístas e contrárias à Bíblia. Eles
explicam, mas não convencem, que não se trata de três Deuses, mas de Três
Pessoas em um só Deus. Mas Deus não é pessoa, pois se o fosse, ficaria
limitado, quando Ele é infinito. E, como se esquecessem de que ensinam que
são Três Pessoas, mas um só Deus, os teólogos repetem, a todo instante, que
Jesus é Deus e o Espírito Santo também o é. Eles afirmam, pois, e negam ao
mesmo tempo uma idéia, daí o tal de mistério deles e que eles dizem que é de
Deus! Além disso, os teólogos dizem que nós podemos orar a cada Pessoa da
Trindade, em separado, como se tratasse mesmo de três Deuses! Jesus, porém,
não orava ao Espírito Santo, mas só a Deus Pai, e nos passou esse ensino.
Aliás, se Jesus fosse também Deus, Ele oraria a si próprio! Porém Ele jamais
se denominou Deus, mas apenas Filho de Deus. Os caninos consideram o seu
dono como se fosse uma espécie de deus para eles. E se eles pensassem,
certamente "caninomorfizariam" também o homem, tal qual o homem
antropomorfizou Deus!

        Maria Santíssima, por ser Mãe de Jesus, é Mãe simbólica de todos
nós, mas nunca de Deus, que não pode ter mãe nem pai. Por que não se diz que
são José é pai adotivo de Deus? Deus, sim, é Pai e Mãe de Jesus e de todos
nós. Mas o próprio fato de Jesus ter pai e mãe impede-O de ser Deus. Por
acaso, o Deus Pai, único e verdadeiro, tem pai e mãe?

        Ontem, certas doutrinas pagãs, politeístas e mitológicas invadiram o
cristianismo e foram mantidas pela Inquisição. Mas hoje, é a razão que dá as
cartas para uma fé verdadeira, sólida, inabalável!

        O teósofo e biblista espírita José Reis Chaves escreve neste espaço
às segundas-feiras.